COBERTURA ESPETACULAR

A arquiteta Renata Zappellini atualiza o décor de sua cobertura de 550m², na Praia de São Conrado, apostando no estilo hi-lo

A arquiteta Renata Zappellini na sala de estar de sua cobertura em São Conrado
Cobertura duplex na Praia de São Conrado da arquiteta RENATA ZAPPELLINI

A arquiteta Renata Zappellini, que há 10 anos realiza projetos de decoração online sob a alcunha Renata Decor , abre as portas de seu apartamento, uma cobertura duplex de 550 m² em São Conrado, com vista para o mar e para a Pedra da Gávea, e entrega alguns de seus segredos de decoração aplicados à própria residência, onde mora com o marido e dois filhos – um menino de 6 anos e uma menina de 4 anos.

O imóvel, adquirido em 2016, passou por uma reforma completa capitaneada pela própria Renata e seu marido, para adequar o apartamento às necessidades da família. “Sempre moramos em São Conrado e não queríamos sair do bairro. Procuramos bastante até encontrar essa cobertura, que foi um colírio para os olhos. Gostamos de tudo, mas o ponto determinante foi o fato do apartamento nunca ter sido usado, embora o prédio já tivesse 11 anos. Para mim foi um prato cheio, pois ali poderíamos moldar a planta e decorar da nossa maneira”, conta a moradora e arquiteta, explicando que a obra foi dividida em duas fases: a primeira levou quatro meses e meio, contemplando o andar inferior, onde fica a sala principal e a área íntima, para receber a família; já a segunda etapa foi a cobertura, que reúne sala de TV, lavabo, escritório, suíte de hóspedes, brinquedoteca, cozinha gourmet e piscina, realizada com a família já instalada no imóvel, que levou nove meses até a conclusão. 

Desta vez a arquiteta, que orienta on-line clientes de vários estados brasileiros, e fora do Brasil também, aplicou seus conhecimentos para atualizar a decoração de sua própria morada, focando em acessórios, adornos e mobília. A base do projeto é neutra, com tons de branco, preto e cinza, além da forte presença da madeira e de toques pontuais em azul Klein. Para atualizar a decoração, Renata adotou medidas que transformaram o visual dos ambientes, como mudar o tecido dos sofás, alterar a disposição dos móveis e trocar pontualmente peças mais gastas ou das quais enjoou por novas que “conversem” melhor com seu momento atual ou que complementem o mobiliário já existente.

Começando pelo andar superior, a cobertura tira proveito de uma planta circular, que integra as áreas de convívio social. A área gourmet é ligada à sala de TV e a uma varanda por portas de correr, ambas voltadas para a área da piscina. A Luminária Zettel´s, de Ingo Maurer, foi comprada em Barcelona e paira sobre a mesa de jantar composta com cadeiras do design brasileiro, assinadas por nomes como Jader Almeida, Sergio Rodrigues e Etel Carmona. Ao fundo, a rodabanca de mármore carrara confere elegância para a cozinha de apoio com direito a churrasqueira.

Na sala de TV, as paredes cobertas por painéis de madeira exercem dupla função: “além de decorativo, o painel esconde um louceiro, a porta do lavabo e o acesso ao quarto de hóspedes e brinquedoteca. A ideia foi criar um detalhe para a parede e ao mesmo tempo camuflar as portas”, revela Renata. Entre as mudanças no cômodo, o sofá, assinado pelo Estúdio Nada Se Leva, ganhou novo estofamento, o quadro de Marcelo Almeida é novo e a disposição dos móveis foi alterada.  A porta de correr, pintada na cor azul Klein, é um dos pontos focais da sala, bem como o recamier estilo Luis XV, estofado em veludo preto, da marca italiana Modà. “Escolhi o azul pois, além de ser minha cor preferida, remete ao mar e traz tranquilidade”, comenta a moradora, que tem ainda uma poltrona Proust, de Alessandro Mendini para a Magis, no mesmo tom.

Peças desenhadas pela própria arquiteta e executadas por estofador, vidraceiro e marceneiro proporcionam uma decoração personalizada de acordo com a necessidade dos moradores e, ao mesmo tempo, mais em conta que uma peça grifada e de melhor qualidade do que as de lojas de departamento. É o caso, por exemplo, do pufe de couro, na sala de estar, e das mesas de apoio em vidro e madeira, na varanda da piscina. O estilo “faça você mesmo” também é adotado por Renata: os quadros da área gourmet e da sala de estar, no primeiro pavimento, foram pintados pela própria com ajuda do filho de 6 anos. Com grandes dimensões, as telas passam a impressão de verdadeiras obras de arte!

Entre os dois andares, foi mantido nas paredes o resquício de uma festa da família, realizada logo após a entrada no apartamento. “O lettering é de Marcelo Lamarca, feito para a festa de 40 anos do meu marido, quando a laje ainda não estava pronta. O tema da festa, por conta da cobertura ainda inacabada, era “urban” e ele grafitou toda a parte de cima. O que conseguimos manter foi esse da escada”, relembra a moradora.

Já no andar inferior, a área social mantém uma paleta mais sóbria, em preto, branco e caramelo. Entre os destaques, a exuberante poltrona Monalisa, de Cíntia Gomes, e a coleção de pratos da Fornasetti, adquiridos em viagem. “Sou apaixonada pelo Fornasetti! Todos os pratos foram comprados fora do Brasil. A maioria em Milão e outros em Barcelona e Roma”, conta Renata, que também promove visitas guiadas às maiores feiras de arte e design do mundo, voltadas para profissionais de arquitetura e design. 

Na área íntima, a arquiteta adotou uma paleta coerente com o restante do apartamento, com painéis em freijó cobrindo as paredes, cabeceira da cama com textura de couro e roupas de cama e almofadas em p&b, com tema geométrico. “Busquei traduzir, em todo o apartamento, esse conceito minimalista e hi-lo (high-low). Gosto muito de misturar peças de design a outras garimpadas. Esse ar despojado e clean dos espaços é bem a nossa cara!”, conclui a arquiteta.

Produção: Renata Zappellini

Fotógrafo: Juliano Colodeti, MCA Estúdio

Facebook
Facebook
Twitter
LinkedIn
Instagram