QUARTO PARA O BEBÊ QUE ESTA CHEGANDO

A NOTÍCIA DA GRAVIDEZ DA CLIENTE LOGO NO INÍCIO DA REFORMA MUDOU OS PLANOS DA ARQUITETA MARINA ROMEIRO, QUE INICIALMENTE PROJETOU ESTE QUARTO DE BEBÊ PARA SER UM QUARTO DE HÓSPEDES/ESCRITÓRIO

A arquiteta Marina Romeiro e Bruce, o buldogue francês da cliente

Projeto foi pensado para acompanhar o crescimento do bebê Martin,que nasceu na última quarta-feira, 26 de agosto

Quando os clientes procuraram a arquiteta MARINA ROMEIRO (@mr.marinaromeiro) para projetar o apartamento duplex, em Icaraí, no município de Niterói, o quarto do Martin, seria, num primeiro momento, um quarto de hóspedes/escritório. Os clientes chegaram a sinalizar para a arquiteta o desejo de se tornarem pais, mas, até então, eram planos ainda distantes.

Quarto do bebe Martin assinado pela arquiteta MARINA ROMEIRO

Pensando nas possíveis mudanças que o cômodo poderia sofrer, a arquiteta fez um estudo considerando três diferentes funções para o espaço: escritório, quarto de bebê e, posteriormente, quarto de criança. Toda a parte de elétrica e iluminação foram pensadas para atender a esses três momentos. “Como na reta final da reforma do primeiro pavimento a cliente deu a notícia de que estava grávida, não houve necessidade de fazer interferências na parte civil para adaptar o quarto”, explica a arquiteta.

A marcenaria, que não havia sido executada até então, foi pensada de forma a acompanhar o crescimento do bebê Martin, sem ser datada nem parecer com os tradicionais quartos de bebê. Cores neutras, como o cinza claro e o verde pastel, associadas à madeira pinus, foram as escolhas da arquiteta para servir de base para a decoração. “Deixei para inserir cores mais fortes nos detalhes e na pintura artística com tema de dinossauro”, conta Marina. “Um painel em marcenaria forrado em fórmica cinza camufla a entrada para a porta do banheiro da suíte. Gosto de lançar mão deste recurso nos meus projetos porque cria uma unidade visual na decoração”, acrescenta ela.

Futuramente, no local onde está a poltrona de amamentação com mesinhas de apoio serão instalados a TV e o trocador, posicionados ao lado do berço no layout atual. A futura cama do Martin ficará onde hoje está o berço e a cômoda. Já a bancada ao lado do armário vai virar bancada de apoio, enquanto o carrinho embaixo dela poderá ir para outro cômodo ou servir de mesinha de cabeceira. “O fato de a cliente ter expressado o desejo de ser mãe no início do processo foi fundamental para a criação de um espaço adaptável”, finaliza a arquiteta.

Principais fornecedores deste projeto:

·        Almofadas: Quintal de Madame
·        Tapete: Lorena Canal Rugs, da Quintal de Madame
·        Marcenaria e cômoda: Iglesias
·        Casinhas e quadrinho Dinossauro: LZ Studio Mini
·        Berço doimo: Sognare
·        Luminária de mesa e de piso: Dimlux
·        Pintura artística: A casinha
·        Trocador: Ateliê Vovó Ama
·        Adorno da porta: Studio Potyguara
·        Poltrona: Abracadabra
·        Quadros: Studio Potyguara e Quintal de Madame
·        Mesinha redonda branca, manta e escada: Quintal de Madame
·        Mesa folha: LZ Studio Mini

Advertising

Facebook
Facebook
Twitter
LinkedIn
Instagram