TECIDOS + NATUREZA




Flores, folhas, frutas, sementes, legumes, verduras, plantas, árvores, texturas… as referências vegetais vêm inspirando o homem desde o surgimento da arte da estamparia. Tão diversificadas quanto as próprias referências são as maneiras de tirar partido desse infinito arsenal botânico de possibilidades. Do micro ao macro, existem inúmeras formas, cores e texturas que podem ser aproveitadas e combinadas na criação de estampas para todas as superfícies e segmentos de mercado.
O designer Wagner Campelo, carioca e graduado pela Escola de Belas Artes da UFRJ e pós-graduado em Design de Estamparia pela faculdade SENAI-CETIQT é o responsável por este belo trabalho com formas, texturas e tecidos. Segundo ele o design de superfície possibilita um campo praticamente ilimitado em termos de imaginação e criatividade. Ele desenvolve coleções e padrões coordenados, e também elabora estudos de cor para os segmentos de decoração, moda, papelaria, cerâmica e vinílico.
Com mais de 20 anos de experiência profissional, suas estampas são vendidas nos EUA, Europa, Ásia e Brasil.




Curta As Arquitetas no Facebook